Giovanna Ewbank revela síndrome rara do filho e lamenta não ter percebido antes


Durante conversa com Manoel Soares e Fernanda Paes Leme no podcast Quem Pode, Pod, no YouTube nesta terça-feira (24), a apresentadora Giovanna Ewbank se emocionou ao revelar que seu filho, Bless, tem uma síndrome rara e que só descobriu quando o filho já estava maior. 

Ela disse que só percebeu durante a pandemia, quando viajaram bastante para o campo e Bless passou a mudar o comportamento em alguns ambientes, como a área externa na parte da grama. O pequeno começou a ficar aéreo e fazia algumas coisas que a artista achava estranho.

Em um determinado momento, Giovanna chegou a cogitar que Bless tinha autismo, até que descobriu que o filho tem a síndrome sensorial, que ouve e sente mais que qualquer outro ser humano.

“Diversas vezes ele passava, por exemplo, pela cozinha, e falava: ‘Ai, que cheiro forte!’. E eu falava: ‘Bless, para com isso. É frescura, filho! É o cheiro da cebola’. Quando ele pisava na grama e falava: ‘Me tira daqui!’. E eu falava: ‘Filho, para de frescura, é só grama’. Queria muito colo, não gostava de ir para o meio do mato – onde a gente vai muito – porque o barulho das moscas incomodava ele”, disse. 

Mesmo não sendo algo tão grave, Giovanna se culpou por não ter percebido com antecedência os sinais que o filho dava, mas conseguiu se adaptar ao novo comportamento de Bless. 

“Quando eu tive o diagnóstico foi uma culpa absurda e a gente teve que entender, observar e se adaptar. E hoje o Bless vive com essa síndrome sensorial maravilhosamente bem. Mas foi preciso o meu olhar, do Bruno [Gagliasso] e de vários médicos para que a gente entendesse que a condição do Bless não era frescura”, finalizou.